Concurso PM-TO 2018 – Seleção da Banca Organizadora


  

Edital do novo concurso da PM-TO deverá ser divulgado em breve.

Há muito tempo se sabe que o desejo de grande parte das pessoas que estão terminando os estudos é o sonho de conseguir um bom emprego e, para alguns, isto só é possível pelo ingresso em uma carreira pública.

Um emprego no setor público é, para a grande maioria, a garantia de um salário fixo, razoável e a certeza de uma estabilidade que gera muito mais segurança.

Somando-se tudo isto, muitos candidatos ainda sonham em ingressar em uma das poucas e mais respeitadas instituições militares no país, a Polícia Militar.

Deste modo, este tão acalentado sonho move milhares de candidatos que todos os anos vivem as expectativas de ingressar numa academia de formação de oficiais que irão garantir a segurança e o cumprimento da lei em diversas cidades.

No estado de Tocantins isto não poderia se diferente. Desde o começo de 2017, todos os candidatos que já estão em ritmo frenético de estudos para enfrentar a intensa maratona de avaliações feita pela PM daquele estado para a seleção dos melhores que irão compor o seu quadro de oficiais e soldados.

Sem uma previsão de quando o edital poderá ser publicado (a expectativa é que seja esta ainda!), os candidatos aguardam ansiosamente por esta boa notícia, já que existe uma demanda muito grande de novos membros desta corporação militar para cobrir o estado. Isto se dá em virtude do grande crescimento do mesmo nos últimos tempos.

Os especialistas em concursos públicos do estado, assim como os representantes da categoria dos oficiais militares, esperam que este novo concurso possa realizar a seleção de pelo menos 1040 novas vagas para novos selecionados.

A ansiedade em torno da divulgação do edital para o concurso cresceu principalmente com a divulgação, por parte do governo do estado, que desde o dia 28 de agosto, a instituição já teria aberto um processo licitatório para a seleção da nova empresa que iria coordenar a aplicação do concurso.




Esta expectativa tomou mais forma a partir das declarações do próprio governador do Estado, Marcelo Miranda, que já se posicionou publicamente a favor do concurso, visto que, o mesmo carece de um efetivo maior de policiais militares nas ruas.

O próprio governador já declarou publicamente que ordenou um maior ritmo celeridade junto à Secretaria do Governo, para que agilize o processo de elaboração e divulgação do edital para a PM.

Segundo os dados divulgados pela PM daquele estado, caso as cerca de 1.040 vagas sejam confirmadas, elas deverão ser distribuídas em dois níveis. Um parte, 1.000 vagas serão para a formação de soldados, sendo 900 pra o sexo masculino e 100 para o sexo feminino. O restante deverá ser destinada para a formação de oficiais (40), sendo 36 para homens e as 4 restantes para mulheres).

Para concorrer ao cargo de soldado militar, o candidato deverá ter concluído o ensino médio e ter entre 18 e 30 anos de idade, além de outros requisitos necessários como uma altura adequada.

Os cargos destinados aos postos de oficiais serão destinados aos candidatos que possuem diploma de curso superior em qualquer área.

A seleção deverá constar de algumas fases, com a aplicação de provas objetivas e discursivas, avalições médicas, provas de capacidade física, mental e psicológica dos candidatos, bem como a investigação da vida pregressa de cada um.

Segundo ainda o edital do último concurso feito em 2009, os candidatos aprovados tiveram direito ao recebimento de uma ajuda de custo de R$ 800,00 enquanto faziam o curso de formação. Após a conclusão, o salário inicial de cada um passou a ser de mais de R$ 3.000,00, além do recebimento de um vale alimentação.

Liana Gifoni

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 28 Média: 3.1]


Compre aqui apostila para este Concurso Público!




Um comentário sobre “Concurso PM-TO 2018 – Seleção da Banca Organizadora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *