Concursos no DF devem cobrar Conhecimentos da Região


  

Medida tem o objetivo de ajudar os candidatos locais e reduzir o número de treinamentos para conhecimento do local.

Uma nova regra no que diz repeito a concursos públicos do Distrito Federal está dando o que falar e está sendo alvo de muita controvérsia. A proposta afirma que todos os candidatos que prestarem qualquer concurso público no DF deverão ter conhecimentos da região e adjacências, pois será cobrado em prova obejtiva.

Segundo o deputado que foi a autor da regra, Reginaldo Veras (PDT), a medida tem o intuito de ajudar os candidatos locais, pois a maioria era de fora, o que tornava inviável o trabalho do servidor em uma região desconhecida, principalmente se o serviço fosse realizado externamente.

A medida tinha sido vetada pelo governador anteriomente, mas foi aprovada em última instância pela Câmara e está valendo desde terça-feira, dia 10. Agora se torna obrigatório alguns conhecimentos específicos sobre a realidade social, geográfica, econômica, política e cultural para concursos locais. Na verdade, essa lei já tinha sido aprovada em 2016, mas tinha sido reprovada pelo governador Rodrigo Rollemberg.

Os parlamentares que eram a favor da nova regra uniram forças e acabaram por derrubar o veto em dezembro passado em conjunto com outras novas propostas.




O governador não informou se vai entrar na justiça para reaver o veto ou se vai deixar a situação com está.

Segundo a assessoria do deputado criador da regra, essa foi uma das promessas de campanha de Reginaldo Veras, pois o mesmo, além de ser professor, se sente ligado diretamente ao tema e vai propor ao governo para que essa medida seja para todos os estados brasileiros. Ainda de acordo com assessoria, cobrar conhecimentos específicos sobre o local em que se pretende traballhar é muito pertinente, pois o trabalho ficaria muito mais prático e seria uma forma de privilégio aos candidatos locais. Atualmente, em quase todos os concursos públicos do Distrito Federal, o percentual de candidatos de outros estados é muito grande, o que acaba gerando treinamento extra para conhecimento do local e perda de tempo. A nova medida já está em vigor e o seu criador acha justa e correta. Ele afirma que vai lutar para seja válida em todo o território nacional.

Rodrigo Souza de Jesus


Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Compre aqui apostila para este Concurso Público!




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *