Prefeitura de São Paulo promove Novo Concurso para Professor


  

Certame disponibiliza 499 vagas para professor do ensino fundamental e médio. Inscições podem ser feitas até o dia 16 de março de 2016.

A Prefeitura de São Paulo publicou um edital visando ao preenchimento de 499 vagas para professores do ensino fundamental II e médio. A remuneração inicial é de R$ 2.079,43, acrescido do abono que está previsto na legislação. Do total do quantitativo de vagas, 5% são reservadas para pessoas com deficiência e 20% para negros.

As vagas são divididas da seguinte maneira: 467 para artes, 3 para biologia, 395 para ciências, 123 para educação física, 3 para espanhol, 2 para física, 499 para geografia, 71 para história, 453 para inglês, 365 para matemática, 87 para português, 1 para química e 3 para sociologia. É necessário ter licenciatura para atuar.




As inscrições permanecem abertas somente até o dia 16 de março e o valor da taxa é de R$ 46,00. A organizadora do concurso é a Fundação Getúlio Vargas e o edital pode ser acessado por meio deste endereço: http://http//fgvprojetos.fgv.br/concursos. Os candidatos serão avaliados por meio de provas objetivas, que estão previstas para a data provável de 24 de abril. O concurso tem a validade de um ano e pode ser prorrogado pelo mesmo prazo.

Que tal ficar por dentro de alguns erros que são comuns por estudantes de concurso público?

  • Falta de planejamento: a pessoa estuda sem uma rotina definida e sem controle, ou seja, não seleciona o conteúdo. Assim, ela não consegue acompanhar o seu desempenho e sua evolução. É fundamental saber o que vai estudar no dia a dia. Planejamento é essencial para o sucesso da prova, e nele deve ter tempo para revisão e resolução de exercício.
  • Falta de foco: o estudante vai fazendo todas as provas que aparecem pelo caminho. Um dia ele está estudando para concurso da área bancária e no outro para Tribunal. É necessário saber aonde quer chegar e o que deseja alcançar. Assim, é fundamental que a pessoa faça provas com conteúdos parecidos.
  • Não ler o edital: o estudante não lê o principal documento da prova. É preciso ler o edital completo, além dos conteúdos de cada cargo. Além disso, imprima-o e deixe sempre perto de você.
  • Não fazer exercício: muitos candidatos não resolvem questões. Isso é essencial para conhecer a organizadora, as pegadinhas e o estilo de prova. Gostou das dicas? Deixe a sua opinião.

Por Babi


Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Compre aqui apostila para este Concurso Público!




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *